Consultar FGTS pelo CPF

Consultar FGTS pelo CPF

Como consultar o extrato do FGTS pelo CPF 2020?

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, popularmente conhecido como FGTS, sempre levanta muitas questões para os trabalhadores de todo o Brasil. A mais recorrente delas é: como faço para consultar meu FGTS apenas pelo meu CPF?

Isso porque a forma mais conhecida e comum de consulta ao saldo do fundo é por meio do número do PIS/NIS. Porém, é fácil perdê-lo e não saber a grande numeração de número de cor. Por isso, acessar pelo CPF é uma maneira muito mais simples. 

Ultimamente, o governo vem disponibilizando vários canais de consulta, deixando assim o acesso a esta informação muito mais próximo do cidadão. Mas você sabe todas essas maneiras?

Neste artigo você irá conferir todas essas informações e muitas outras sobre FGTS, assim, você com certeza não terá mais nenhuma dúvida na hora de consultar o seu saldo e de ver o que se poderá fazer.

Então preste atenção que agora vamos lhe detalhar um tutorial completo e com imagens sobre o passo a passo de como consultar seu FGTS apenas pelo seu CPF. É importante que não pule nenhuma etapa, pois cada uma é fundamental. 

Como e onde consultar o saldo FGTS pelo CPF?

Bom, como já mencionamos, existem várias formas de se consultar o saldo do FGTS com o seu CPF. A primeira delas é pelo SITE da Caixa. Veja agora como fazer a consulta por esse canal. 

Acessando o site 

  • Primeiramente você irá precisar entrar no site da Caixa clicando neste link. Após isso, você será redirecionado para esta página igual a imagem abaixo. 

Após isso, basta clicar no botão laranja “acesse aqui”, onde você será redirecionado para página (imagem abaixo) onde é necessário colocar todos os dados necessários. São eles: o CPF e data de nascimento. Confirme que você não é um robô e clique em “continuar”.

Pronto, feito isso você já é direcionado diretamente para a página de consulta no site da Caixa. Como pode perceber, você também pode colocar o número do NIS/PIS no mesmo campo do CPF. Isso não altera nada, você será direcionado normalmente. 

Baixando o aplicativo da Caixa

Outra opção que você possui é pelo aplicativo oficial da Caixa. Você pode baixá-lo tanto para dispositivos Android através da Play Store, quanto para IOS (Iphone) através da App Store. 

Baixando o aplicativo, você terá que inserir os mesmos dados que são pedidos pelo site. Assim que introduzi-los, todos os dados estarão disponíveis na palma de sua mão. 

É muito simples, veja o passo a passo a seguir para você não se perder em nenhuma etapa:

  • Baixe o aplicativo Caixa Trabalhador aqui para Android e aqui para IOS.
  • Insira seu CPF, data de aniversário e faça o login.
  • Pronto, você já terá como pesquisar seu saldo do FGTS.

Outras formas de se consultar o FGTS

Existem outras formas de se consultar o FGTS. Veja a seguir todas elas e como fazer para consegui-las. 

Consultar extrato FGTS por mensagem de celular

Sim, é possível receber seu saldo do FGTS via mensagem de texto em seu celular. 

É bem simples, basta acessar sua conta através do site ou app e solicitar que o saldo seja enviado pelo seu SMS através da opção destacada acima. Segundo a caixa, mais de 4,5 milhões de sms´s por mês. 

Consultar extrato FGTS por e-mail

Para verificar o extrato do FGTS por e-mail, basta repetir o mesmo procedimento que você realizou com o SMS. Basta clicar na opção “Extrato por e-mail” e pronto. As informações serão enviadas pelo o e-mail que você cadastrou. 

Consultar o FGTS por telefone

A última opção para se consultar seu FGTS usando seu CPF é pelo telefone. É possível ligar para o número que a Caixa disponibiliza e saber o seu saldo com todos os detalhes. 

Neste contato também é possível tirar dúvidas diversas sobre consultas pelo telefone e outros canais. O melhor de tudo, é um telefone 0800, ou seja, totalmente gratuito para quem fazer a ligação, e funciona 24 horas por dia, de segunda a sexta.

O telefone da central de atendimento da Caixa para assuntos do FGTS é o 0800 726 0207.

Pagamentos chegam a 998 reais

Foi sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, em dezembro, o aumento do saque do FGTS de R$500 para R$998. Com isso, quem já sacou os quinhentos reais pode ir atrás dos R$498 restantes. 

Porém, existem algumas regras e condições que devem ser seguidas para que o saque adicional seja retirado sem problemas. 

O direito ao saque adicional só será concedido para quem teve uma conta, inativa ou ativa, do FGTS com um saldo de até R$998, que é o valor do salário mínimo, até o dia 24 de julho de 2019. 

Se o seu caso for de um valor maior de R$998, você só pode sacar os R$500 normalmente. Veja o exemplo a seguir para ficar mais fácil a compreensão:

Se o trabalhador tiver duas contas do FGTS, uma que possuía R$998 e R$1100 em outra até a data de 24 de julho de 2019, o saque seria: R$998 da primeira conta e R$500 da segunda.

Caso ele já tenha retirado R$500 da primeira conta, ele pode sacar os R$489 restantes em qualquer agência da Caixa Econômica Federal. Porém, nada poderá ser retirado da segunda conta.

Como fazer parcelamento do FGTS 2020

Caso você esteja se perguntando como fazer o parcelamento do FGTS em 2020, fique tranquilo, vamos explicar tudo que você precisa saber sobre isso a seguir. 

Há empresas que devem o FGTS aos seus funcionários. Segundo a Caixa, mais de R$2 milhões de reais é o valor que as empresas devem ao fundo de garantia. 

Por isso, a Caixa já criou condições para que possa ser feito o parcelamento do pagamento, facilitando assim a quitação desses débitos. 

Com isso, estima-se que mais de 8 milhões de trabalhadores sejam beneficiados com essa medida, que visa acabar de vez com os débitos que as empresas possuem com o FGTS. 

Segundo o Ministério do Trabalho, há muitas empresas que não depositaram as quantias de FGTS, isso porque as mesmas justificam muitas dificuldades financeiras, já que era obrigado que todo o pagamento fosse feito a vista. 

Parcelar o FGTS, como funciona?

Segundo levantamento da Caixa, 421.012 empresas privadas e 4.845 empresas da área pública no país estão em situação de atraso nos pagamentos do FGTS. Segundo o Ministério público, todas as dívidas somam um prejuízo de mais de R$2,6 milhões.

Esse parcelamento poderá ser feito em até 12 vezes, porém isso irá depender do quanto que essas rescisões que as empresas possuem para pagar o empregador por meio do FGTS. 

Se esse valor for inferior a 10%, não se pode haver parcelamento, tendo que pagar os débitos de uma vez só. Caso a dívida passe os 10%, aí sim é possível parcelar o valor seguindo a tabela estabelecida pela Caixa. 

Como forma de penalizar empresas devedoras, o governo impõe que os empregadores nessas condições não conseguem receber o certificado do FGTS que comprova a regularidade. Sem esse certificado é impossível fazer financiamentos e participar de concessões públicas. 

Conclusão sobre extrato FGTS 2020

Conclui-se então, que hoje em dia não é mais difícil consultar o saldo do FGTS. Isso porque, antigamente era necessário um pouco mais de burocracia para acessar esses dados. 

Era necessário ir até uma agência, o que poderia ser um pouco inconveniente, já que nem todo mundo dispõe de tempo para se deslocar até o local. Além disso, era necessário dados um pouco específicos, como o número do PIS.

Mas agora, com apenas alguns minutos e com o número do CPF, é possível acessar, não só o saldo do FGTS, como outros dados que podem ser importantes. Com o aplicativo que a Caixa desenvolveu, isso ficou mais possível. 

Mas, como explicado neste post, há várias outras maneiras de se consultar o FGTS. Ensinamos a você consultar o saldo via site da Caixa, onde é basicamente o mesmo espaço que contém os mesmo dados que o aplicativo. 

Outro jeito é por e-mail, onde pode ser uma opção mais viável para quem tem pouco tempo e deseja sempre receber o saldo atualizado. Basta informar o e-mail desejável e pronto, a Caixa manda para o solicitante os dados. 

Por SMS, é basicamente a mesma coisa, porém os dados são enviados via mensagem de texto para o celular do solicitante. Para solicitar esse serviço, basta apenas fazer o pedido no site da Caixa. 

Por fim, há outras duas maneiras de se pesquisar o saldo do FGTS. Uma é por telefone, ligando para o número informado, os atendentes da Caixa irão confirmar os dados. E a última maneira é pessoalmente, bastando apenas portar um documento com o CPF.

Por fim, ficou claro que o governo vem facilitando o acesso às informações por meio de aplicativos e programas que são feitos para consulta. Porém, é necessário saber como que eles funcionam, já que você pode se perder facilmente.

Uma última dica: fique atento sempre às informações, mesmo que elas pareçam “bobas”, elas estão lá para algum propósito. E, cada passa é muito importante, sendo que se um falhar, você pode não atingir seu objetivo da forma mais satisfatória.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

6 Comentários

  1. Laudiceia disse:

    Não co sigo fazer o cadastro do aplicativo fgts

  2. José Valmerio Barbosa silva disse:

    Rua monsenhor. Paulo.

  3. Bom dia posso ajudar cartão de cidades trabalho fgts preciso

  4. Dilene Detoni disse:

    Gostaria de saber saldo do meu fgts

  5. João Leocadio de Souza disse:

    Gostaria de saber se tenho o direito de sacar 3.000 do meu fgts

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.